10 janeiro, 2010

amadurece-te:

ama e endurece.

Mas, apesar de tudo, viva.
Elenise Penha

Um comentário:

dine disse...

amadure e endurece...
nem todas as vezes é preciso amar...
gostei gostei!